domingo, 26 de agosto de 2007

Amigos

"Amigos são os irmãos que nos permitiram escolher". Lugar comum ou não, tem seu fundo de verdade. A vida é cheia de momentos difíceis, momentos de desafios, mas também momentos de alegria, de comemorações. Passá-los sozinho é, no mínimo, desestimulante. Nessas horas, em que precisamos compartilhar as situações de nossa jornada com alguém, é sempre mais agradável dividí-las com nossos amigos.

Amigos são pessoas que julgamos especiais e realmente são. Todos nós temos um lado de preocupação com o outro, de cuidado, carinho, mas ainda não aprendemos a dividir com todo mundo. Geralmente escolhemos alguns apenas para nos mostrar por completo, seja na nossa complexidade negativa, seja nas nossas muitas qualidades. Amigos estabelecem uma troca profunda de situações e sentimentos, e o que antes não fazia muito sentido, como ficar atoa olhando o tempo, com um amigo pode ser muito bom.

Às vezes gostamos muito de determinadas pessoas, e por não sermos ainda tão perfeitos elas nos machucam. Assim também ocorre entre amigos. Manter uma amizade é algo tão complexo quanto manter um relacionamento como um casamento, pois às vezes são ditas palavras ásperas, feitas coisas desagradáveis ou, simplesmente, a pessoa que você espera, pode não estar disponível em um "momento que você mais precisar". Na verdade todos os momentos serão assim, por isto precisamos aprender a controlar nosso orgulho ferido.

Mas existem coisas boas e são muitas! Esses seres que escolhemos para partilhar nossas vitórias e derrotas geralmente nos entendem melhor e sabem como nos agradar. Sabem que uma palavra fala mais do que várias, e sabem que também gestos falam mais do que esta palavra apenas; às vezes até o silêncio ajuda! Eles sabem sobre nós, sabem que somos tão frágeis quanto eles e sabem, como sabem, que um dia vamos chorar, seja de alegria ou tristeza, e precisarão estar lá; ou talvez não possam estar.

E se não estiverem, teremos nós que saber relevar, porque, afinal de contas, as coisas são assim, e um dia nós também não estaremos. E a amizade, esse doce relacionamento em que duas almas se apoiam rumo à perfeição segue, com seus altos e baixos, proporcionando uma boa razão para pensar nas nossas conquistas, o simples motivo de compartilhá-las com alguém, mesmo que no silêncio.

Nenhum comentário: